Black Friday: como se preparar para vender mais?

Black Friday: como se preparar para vender mais?

Todo os anos acontece a Black Friday, uma excelente oportunidade para empresas de vários setores faturarem com boas promoções e a busca por oportunidades especiais de preço.

Porém, para que a sua empresa consiga atrair mais clientes e, ao mesmo tempo, fechar o período com resultados positivos, é preciso tomar uma série de cuidados.

Elaboramos este post para mostrar como você pode se preparar para o momento. Confira!

Faça um planejamento para definir as ofertas

Antes de mais nada, é essencial realizar um planejamento, identificando quais produtos colocará na oferta, qual é o desconto viável para ser aplicado, quantos e-mails serão enviados para a divulgação, entre outras coisas.

Para selecionar os itens, vale a pena classificá-los. Por exemplo:

  • produtos parados em estoque (e podem ter excelentes descontos, tornando-se muito atrativos);
  • os que podem obter uma margem boa para desconto;
  • outros itens baratos e que podem servir como porta de entrada para outras compras.

Depois disso, basta aplicar um percentual de desconto que seja o suficiente para atrair compradores, ao mesmo tempo em que não comprometam totalmente a sua margem de lucro.

Esse trabalho pode ser feito em faixas de abatimento de acordo com os tipos de produtos e a margem de lucro que eles proporcionam para a empresa. Adotar uma porcentagem única para todos os produtos não é uma estratégia eficaz do ponto de vista do retorno financeiro.

Crie uma estratégia para divulgação

Já deixe tudo preparado algumas semanas antes da Black Friday para criar expectativas positivas nos clientes e lembre-se de trabalhar o senso de urgência e a limitação de período de promoção para os clientes.

​Também é preciso ter o cuidado de evitar anunciar valores errados e trabalhar a nutrição do público-alvo para que eles saibam que a sua empresa oferecerá boas promoções — e que as pessoas já podem começar a se planejar para fazer as compras desejadas.

Como suporte para a divulgação, você pode apostar:

  • em mídia paga;
  • nas redes sociais;
  • em cartazes e banners;
  • em e-mail marketing.

Como grande parte do seu público-alvo provavelmente está nas redes sociais, uma boa alternativa é elaborar vídeos proporcionais (sobre a campanha e os produtos) para atrair a atenção dessas pessoas.

Os conteúdos impulsionados são pagos, mas ajudam a aumentar o alcance da publicação — fazendo com que ela chegue a quem ainda não conhecia a sua marca e nem o perfil na rede.

Treine o time de vendas

A Black Friday também é uma ótima oportunidade para reativar antigos contatos — além de atrair novos clientes para a sua empresa — por meio da prospecção. Porém, ela deve ser planejada com muita atenção para evitar a perda do consumidor (o chamado churn), focando na conversão.

É preciso entender o perfil de cada comprador em potencial e fazer as vendas alinhadas às expectativas e necessidades deles. Além do mais, é de suma importância qualificar os vendedores para que eles tenham bastante conhecimento sobre os seus produtos e sejam capazes de tirar quaisquer dúvidas levantadas pelos interessados.

Nessas horas, além do preço vantajoso, o atendimento prestado aos consumidores e a aplicação de boas técnicas de vendas também tem bastante influência na tomada de decisão pela compra.

Verifique o seu estoque

Certifique-se de que a sua empresa tem capacidade de atender a uma boa demanda com o estoque — ou se será necessário elevar a produção para garantir um bom volume de vendas.

Lembre-se que, além de frustrar o consumidor com a falta de itens, a prática de anunciar algo que não está disponível é vedada pelo Código de Defesa do Consumidor. Quanto antes esse tipo de verificação for realizada, com mais rapidez será possível agir para contornar quaisquer rupturas ou outras falhas que possam ocorrer.

Certifique-se da capacidade de atendimento dos parceiros

A escalabilidade trata da capacidade que uma empresa tem de absorver uma elevação na demanda, sem prejudicar a qualidade ou os prazos de entrega dos produtos. Ela é essencial para negócios que lidam com sazonalidade e períodos promocionais como esse.

Uma estratégia efetiva da Black Friday precisa contar com a capacidade de trabalho dos parceiros de negócio, visto que é necessário entregar os produtos para os clientes dentro do prazo acordado — e, em alguns casos, adquirir mais materiais ou produtos para suprir o aumento da procura.

Portanto, é de suma importância se certificar de que esses fornecedores tenham essa flexibilidade de atendimento. Caso negativo, é necessário recorrer ao mercado e contar com outras organizações para completar essa possível lacuna que os parceiros atuais deixam.

Preze pela honestidade

Infelizmente, a Black Friday ganhou o apelido de “Black Fraude” e o slogan “tudo pela metade do dobro” depois de notícias sobre promoções falsas anunciadas por algumas lojas.

Atualmente, muitos consumidores fazem pesquisas online e offline até chegar ao momento da decisão pela compra. Isso quer dizer que, se eles já têm a intenção de comprar na sua empresa, provavelmente já sabem qual é o preço justo a se pagar pelo produto.

Dessa forma, se você não quer que sua loja entre para a lista das que tentam enganar o consumidor, aja com honestidade e anuncie promoções verdadeiras, com descontos que realmente estão sendo aplicados. Essa é uma maneira de transmitir credibilidade e aumentar as chances de fidelização desses novos compradores.

Aproveite a oportunidade para fidelizar clientes

Por falar em fidelização, aproveite o aumento nas vendas e o surgimento de novos clientes para adotar estratégias de fidelização. Entre as ações que podem ser adotadas, estão o oferecimento de descontos em datas futuras que podem ser utilizados para:

  • elevar as vendas em dezembro (antecipando as compras de natal);
  • aumentar o faturamento em meses mais fracos (como janeiro);
  • aumentar o ticket médio (descontos progressivos de acordo com o valor da compra).

Com ações como essas, as chances de o cliente voltar a fazer novas compras são muito grandes. Mas é preciso destacar que sem um bom atendimento, dificilmente elas serão tão eficazes quanto se espera.

Com as dicas apresentadas acima, fica mais fácil saber por onde começar e qual direcionamento dar para a sua estratégia na Black Friday. A data é uma ótima oportunidade para alavancar as vendas e expandir a sua marca, com o objetivo de aumentar a participação da empresa no mercado.

Gostou deste post? Quer sugerir mais alguma dica que não foi compartilhada no texto? Aproveite os comentários para expressar as suas opiniões e participar da discussão!

Compartilhe este artigo

Artigos relacionados

Tenha um negócio para chamar de seu! Confira as dicas que selecionamos para você e veja como abrir a sua loja de móveis com assertividade.
Lojas de Móveis

Móveis planejados: dicas para você abrir a sua loja

Descubra as 4 formas inovadoras de simplificar a gestão da sua loja de móveis com o Promob FoccoLOJAS. Integre processos, visualize tudo em um só lugar, identifique oportunidades e simplifique sua rotina.
Lojas de Móveis

Promob FoccoLOJAS: descubra 4 formas de facilitar a gestão do seu negócio

Entenda como essa solução tecnológica tem alavancado o setor moveleiro, e como ela pode transformar a sua rotina também.
Lojas de Móveis

Sistema de gestão para lojas: como essa ferramenta pode transformar a sua rotina

plugins premium WordPress

Inscreva-se

Acompanhe artigos, dicas e tutoriais sobre o mercado moveleiro.