Ferragens no mobiliário sob medida: como utilizar?

Ferragens no mobiliário sob medida: como utilizar?

ferragens no mobiliário sob medida

Saber como utilizar ferragens no mobiliário sob medida é fundamental. Com elas é possível criar soluções mais funcionais na construção de móveis planejados e seduzir os clientes.

Exemplos disso não faltam: dependendo de como são feitas as corrediças, você pode dar um toque de qualidade todo especial às gavetas, valorizando os mobiliários. Dobradiças, trilhos, entre outros, permitem um melhor funcionamento e o acabamento sob medida dos móveis, diferenciando os serviços que a sua empresa presta do trabalho da concorrência.

Em suma, a importância das ferragens está em alinhar o melhor acabamento possível à funcionalidade. Quando esses dois elementos aparecem, a tendência é que as soluções sejam únicas para o consumidor.

Tem interesse nesse assunto? Então, continue a leitura e aprenda como utilizar as ferragens no mobiliário sob medida e criar vantagens para o seu negócio.

Conheça os principais tipos e marcas de ferragens

Ferragens podem ser dobradiças, puxadores, trilhos, bases para prateleiras e tudo aquilo que o marceneiro pode empregar no móvel planejado que não é produzido com madeira. Em geral, as ferragens são feitas de alumínio ou então de aço inox. Elas também podem ser utilitárias, que servem como complemento para o móvel, como cestas e suportes para acessórios.

O mercado oferece soluções interessantes de ferragens. Entre elas podemos destacar as seguintes.

Hettich

Caracterizadas por aliar tecnologia, qualidade e funcionalidade, as ferramentas desenvolvidas pela empresa alemã são fruto de um rigoroso processo de controle de qualidade. Por meio dele, surgem produtos que costumam ser utilizados em móveis planejados mais modernos.

A companhia vem ganhando espaço e se tornando a líder de mercado no segmento, se destacando cada vez mais aqui no Brasil.

Blum

Blum é uma empresa com origem na Áustria. Ela atua com soluções de ferragens para móveis planejados. Entre seus produtos mais conhecidos estão sistemas de dobradiças, de extensão e de portas de elevação.

Atualmente, a empresa disputa com a Hettich o protagonismo no setor. É uma companhia muito conceituada e tida como referência no mercado.

Cermag

Organização que se destaca por criar soluções de ferragens para projetos e peças utilizando design básico, mas bastante versátil e com o importante diferencial de apresentar custo relativamente inferior ao das empresas concorrentes.

Trata-se de uma empresa brasileira, com mais de 30 anos de atuação no mercado moveleiro, especializada em criar produtos de ponta com funcionalidade, praticidade e resistência.

FGV

A FGV trabalha com produtos com boa capacidade de amortecimento, tidos como ideais para móveis de uso diário, como é o caso de produtos para cozinha, banheiros, escritórios, entre outros. Chamam a atenção as ferragens para mobiliário de escritórios, pois apresentam design que valoriza a ergonomia e possuem alta resistência.

O grupo FGV tem origem na Itália na década de 1940, sendo hoje a principal fabricante de acessórios para o mercado moveleiro daquele país.

Tome cuidados na hora de escolher as ferragens

As marcenarias costumam comprar as ferragens para montar seus móveis. Há também a possibilidade de o cliente fazer uma escolha ou ainda de o arquiteto responsável pelo projeto indicar materiais de sua preferência.

De qualquer forma, existem critérios que, se analisados, podem facilitar na escolha dos materiais a serem usados. Entre eles podemos citar os seguintes.

Fechamento

Algumas peças permitem o fechamento e funcionamento silencioso. Com elas, todo o sistema é construído de tal maneira a eliminar rangidos.

Amortecimento

Além disso, é preciso ter atenção ao impacto. Peças com boa capacidade de amortecimento amenizam o desgaste e são mais duráveis, sendo ideais para produtos como portas e gavetas que são constantemente manipuladas.

Preço

As ferragens podem ser elementos encarecedores do orçamento. Sendo assim, ter atenção à relação custo-benefício desses materiais costuma ser importante para que o profissional tenha como oferecer soluções de acordo com os interesses de cada cliente.

Tamanho

Existem modelos de planejados que podem integrar peças funcionais. Para que essa solução seja viável, é preciso determinar tamanho e conferir mobilidade ao projeto.

Entenda como utilizar ferragens adequadamente

Tenha critérios para comprar as peças. Sua melhor utilização depende do mobiliário em questão e da finalidade de quem se responsabiliza pelo projeto.

Cabe à marcenaria estruturar o móvel planejado. Assim, a escolha das ferragens a serem utilizadas serão consequência desse exercício bem-feito. Essa etapa posterior garante que as soluções tenham um bom funcionamento e, consequentemente, agreguem valor ao produto.

É preciso que design e beleza sejam tão valorizados quanto a praticidade e a durabilidade dos materiais. Portanto, ter atenção à escolha dos produtos é essencial.

A tarefa do marceneiro é planejar o imóvel e considerar de maneira estratégica a viabilidade do produto a ser utilizado para cada necessidade em especial. As soluções em termos de ferragens devem surgir em função disso. Sistemas articulados de elevação, bem como sistemas deslizantes para portas, por exemplo, podem agregar flexibilidade e ergonomia ao atenderem às necessidades de demandas específicas.

É preciso sempre considerar as formas como as peças podem simplificar a vida do cliente. Ferragens de canto, por exemplo, podem simplificar o acesso àquilo que está nas quinas dos armários. Da mesma forma, sistemas capazes de facilitar a abertura de gabinetes aéreos tendem a gerar conforto.

Importância competitiva das ferragens de alto padrão

Vale destacar que, com ferragens de alto padrão, é possível proporcionar uma experiência completamente diferente em relação à abertura e ao fechamento de portas e gavetas, à organização e à estrutura interna. Com o tempo, a tendência é que esse investimento represente uma maior segurança quanto ao desgaste dos móveis e permita um manuseio completamente adaptado ao estilo de vida de seu proprietário.

O bom trabalho com as ferragens no mobiliário sob medida, é uma maneira de gerar transformações reais. Tendo a tecnologia como aliada, o profissional de marcenaria pode apresentar soluções mais compatíveis com o perfil e as necessidades do cliente e, dessa forma, conseguir fechar negócios mais interessantes.

Para que o seu projeto seja realmente eficiente, é preciso ter atenção aos detalhes. Isso diz respeito, em especial, às ferragens. Saber escolhê-las e adaptá-las às suas soluções confere maior sofisticação ao seu trabalho e fideliza clientes.

Ficou alguma dúvida a respeito de como utilizar ferragens? Deixe sua pergunta aqui nos comentários!

Compartilhe este artigo

Artigos relacionados

Renderização: aprenda 3 técnicas para encantar clientes e aumentar as vendas
Marcenaria, Designers e Arquitetos

Renderização: aprenda 3 técnicas para encantar clientes e aumentar as vendas

O mercado moveleiro está em constante expansão no Brasil e o Rio Grande do Sul lidera o cenário. Saiba mais sobre a importância da Promob para esse setor.
Fábricas, Marcenaria

Setor moveleiro: conheça os estados brasileiros que se destacam

Maquina CNC
Marcenaria

CNC para marcenarias: como utilizar essa tecnologia no trabalho com madeira

plugins premium WordPress

Inscreva-se

Acompanhe artigos, dicas e tutoriais sobre o mercado moveleiro.